logomarca
Home > Cursos > Lucro Real e Presumido – Apuração e Planejamento em 2018 Lei nº 12.973/2014 – IN RFB Nº 1.700/2017 - Controles em Subcontas

Lucro Real e Presumido – Apuração e Planejamento em 2018 Lei nº 12.973/2014 – IN RFB Nº 1.700/2017 - Controles em Subcontas

Compartilhe este curso!
 

Objetivo

Comentários

Desde 1º.01.2015 as empresas tributadas pelo Lucro Real estão no RTD – Regime de Tributação Definitivo, cujos reflexos na adoção do novo padrão contábil serão evidenciados em contas e subcontas para os controles e indicativos dos reflexos fiscais (adições, exclusões ou compensações).

Sendo assim neste treinamento as situações serão discutidas de forma prática e com a meta possibilitar uma certa segurança aos gestores na tomada de decisões, dentre as quais se destaca a escolha de ações que resultem na redução da carga tributária.

Objetivo

        Conhecimento e atualização:   revisar e associar as recentes alterações na formação das bases e na validação dos tributos (IRPJ e CSLL);

        Gerenciamento e tomada de decisões:     estratégias contábeis e fiscais, segurança na formaçaõ de bases e reflexos na administração da carga tributária.

A Quem se Destina:

Profissionais da área contábil (contadores, contabilistas, auditores, assistentes), estudantes, gestores e outros que de forma direta ou indireta se relacionam com o tema.

Metodologia:

        Carga Horária:       8 hs presenciais e plantão de dúvidas por e-mail;

        Conteúdo:     apostila e materiais (modelos, planilhas, controles e casos),

        Aula Expositiva e Interativa:    apresentação, discussão, visão prática e interatividade nos casos previstos ou apresentados em sala de aula;

        Recursos:      data-show, slides e demais recursos.

Programa

1.  Introdutória e Conceitual:

        Normas e Textos Legais em Destaque:     Lei nº 12.973/2014 e IN RFB nº 1.700/2017: Conceitos e Novidades:

¬  Em Resultados:  critérios para o reconhecimento de receita e despesas, Juros remuneratórios, custo de empréstimos, contratos e outras situações;

¬  Em Ativos Imobilizado:       aquisição, controles, inventários, métodos e taxas de depreciação, VUE – Vida Útil Econômica e condições para a descontinuidade de bens;

¬  Outros Ativos:   regras e condições para intangíveis, arrendamento mercantil e investimentos permanentes;

¬  Avaliação de Ativos e Passivos:   fair value (valor justo), AVP – Ajuste a Valor Presente (CPC 12), RLE – Realização Liquida em Estoque de Produtos Acabados (CPC 16) e Impairment Test (CPC 01);

¬  E-Lalur / E-Lacs:       regras básicas conforme registros na ECF (M300 e M350), formas de controle e análise dos principais ajustes conforme anexos I e II da IN RFB nº 1.700/2017);

¬  Contas e Subcontas:  regras, condições, reflexos contábil-fiscal e exemplos no RAS – Razão Auxiliar de Subcontas;

¬  Reflexos Fiscais e Outras Considerações:      pontos convergentes e divergentes com RIR 99, allterações aos fluxos (operacionais, contábeis e fiscais) e implementação de controles;

        Obrigações Acessórias e Pontos de Cruzamento para 2018:       ECD, ECF, EFD ICMS-IPI, EFD Contribuições, e-Social, Reinf, DCTF e DCTFWeb;

        PIS/Pasep e Cofins:        visão geral, modalidades, regras para dedução de créditos e pontos em discussão;

        Incentivos e Benefícios Fiscais:       lucro da exploração, PAT, incentivos culturais e outros;

        Lucros, Dividendos, Juros Remuneratórios e Participações:        regras e condições para a pagamento ou distribuição;

        Outras Situações e Regras:     prejuízos fiscais, bases negativas de CSLL, deduções e compensações.

2.  Lucro Presumido: Apuração e Regras Básicas:

        Opção, formação de bases (IRPJ e CSLL) e cálculos;

        Deduções, compensações, quitação e obrigações acessórias;

        Casos em Discussão:      previstos ou apresentados pelos participantes.

3.  Lucro Real – Regras Gerais e Estimativas Mensais:

        Visão Geral:   opção, elementos compartivos, quesitos para a dedutibilidade, formas de pagamento e tratamento de saldos positivos ou negativos;

        Estimativas Mensais – Receita Bruta e Acréscimos:

¬  IRPJ:

  • Formação de Bases:       fonte de informações (faturamento, demais acréscimos), aplicação de percentuais, reflexos na "N" da ECF e EFD Contribuições;
  • Valor Devido: cálculo, deduções (incentivos e retenções), reflexos no Bloco "N", "X" e "Y" da ECF;

¬  CSLL:

  • Formação de Bases:       fonte de informações (faturamento, demais acréscimos e vínculo com SPED) e aplicação de percentuais e reflexos no Bloco "N" da ECF;
  • Valor Devido: cálculo, deduções (incentivos e retenções) e reflexos nos Blocos "N" e "Y" da ECF.

¬  Casos em Discussão:  previstos ou apresentados pelos participantes.

        Redução/Suspensão de Estimativas Mensais - Balanços Periódicos:

¬  IRPJ:

  • Base Tributável:     dados da ECD, adições, exclusões e compensações no e-lalur (contas mapeadas, registros M300 e códigos);
  • Valor Devido: cálculo, deduções (incentivos e retenções) e reflexos nos Blocos "N", "X" e "Y" da ECF;

¬  CSLL:

  • Base Tributável:     dados da ECD, adições, exclusões e compensações no e-lacs (contas mapeadas, registros M350 e códigos);
  • CSLL - Valor Devido:      cálculo, deduções (incentivos e retenções) e reflexos nos Blocos "N" e "Y" da ECF.

¬  Bases Comparativas:  regras, reflexos e demais cuidados;

¬  Casos em Discussão:  previstos ou apresentados pelos participantes.

 

 

 

4.  Lucro Real – Regras e Condições para a Apuração Definitiva

        Condições na Determinação do Lucro Contábil:

¬  Clareza, objetividade, veracidade, direcionamento do fato contábil e análise quanto aos benefícios econômicos;

¬  Regras Básicas: regime de competência, provisão x apropriação, postergação de efeitos contábeis e validação de contas;

¬  Fechamento Contábil: periódicos (mensais) e definitivos (dezembro);

¬  SPED Contábil:   prazo, períodos dos balancetes (I155/I355), mapeamento referencial e visão completa dos fatos (conta e histórico);

¬  Demais evidencias contábeis em apoio às apurações (estimativas e definitivas).

        Determinação do Lucro Tributável:

¬  Considerações Iniciais:

  • O Porquê dos ajustes fiscais ao lucro contábil;
  • Regras, comentários, evidenciação em conta (ECD), mapeamento ECF e códigos nos registros e-lalur / e-lacs.

¬  Adições ao Lucro Contábil:

  • Parcelas Indedutíveis - Custos:        perdas e quebras, provisões, depreciações e outros valores aplicados na produção;
  • Parcelas Indedutíveis - Despesas:    multas, brindes, provisões, fringe benefits, royalties, DDL e gastos assistenciais;
  • Excedentes de Limites Fiscais: doações, perdas no recebimento de créditos, juros remuneratórios, preços de transferência e incentivos fiscais;
  • Realização de Resultados Diferidos:  entidades públicas, depreciação acelerada, variação cambial e outras;
  • Realização de diferenças de valores justos (conta / subconta), excedente fiscal de depreciação e outras instituídas pela IN RFB nº 1.700/2017;
  • Outras:  Lucros auferidos no exterior, resultados negativos (equivalência patrimonial e atos cooperados) e outras situações.

¬  Exclusões ao Lucro Contábil:

  • Ganhos em Participações Societárias:       equivalência patrimonial, lucros, dividendos e resultados de SCP;
  • Valores de Tributação Diferida:        resultados a realizar com entidades governamentais, depreciação (acelerada e excedente fiscal), variação cambial passiva;
  • Outras:  reversão de adições temporárias, resultados positivos em atos cooperados e incentivos fiscais.

¬  Compensação de Prejuízos e Bases Negativas:

  • Regras Gerais:       condições, limites fiscais e distinção entre operacionais e não operacionais;
  • Regras Especiais:   atividade rural, desmembramento ou agrupamento societários e alcance de decisões judiciais.

        Demais Situações e Cálculos:

¬  Lucro da Exploração:  formação, cálculos e aproveitamento como dedução do IRPJ devido;

¬  Aproveitamento de Retenções Sofridas:       regras, condições e pontos de cruzamento entre as escriturações dos contribuintes;

¬  Benefícios Fiscais (PAT, Culturais e Outros): cálculos, controles, limites e aproveitamento.

¬  IRPJ e CSLL Devidos: determinação, deduções, compensações, quitação e obrigações acessórias.

¬  Outras Ações:    registros contábeis, mapeamento para ECF (e-lalur / e-lacs) e condições para o aproveitamento dos saldos, quando negativos.

        Casos em Discussão:      previstos ou apresentados pelos participantes.

Instrutor

Wilson Galdino

Ÿ    Contador, Economista, Instrutor de Cursos Empresariais, Consultor Empresarial em Contabilidade e Tributos, autor e atualizador de obras;

Ÿ    Especialista em Inteligência Fiscal na elaboração de rotinas eletrônicas na validação e confronto.

Ÿ    Especialização:        contabilidade internacional (Universidade La Salle de Sud América) e Contabilidade Tributária.

Ÿ   Participação ativa em quase todo o território brasileiro em Cursos, Seminários, Palestras e Consultoria Tributária;

Ÿ    Cargos Ocupados:   Contador, Consultor Especialista, Instrutor de Treinamentos Empresariais, Editor de Obras (Contábeis e Tributárias) em empresas multinacionais nos setores de indústria metalúrgica, comércio e serviços em operações no Brasil e no Exterior (Brasil, Chile, Estados Unidos, Portugal e Alemanha).

Informações Gerais

Data:
06/02/2018
Duração:
1 dia(s)
Horário:
08h30 às 12h e 13h30 às 18h
Carga horária:
8 horas
Local:
Hotel Mercury 07 de setembro
Telefone:
Cidade:
Curitiba
Endereço:
Av.07 de setembro 5368 Batel
Investimento:
R$ 789,00
Descontos:
02 inscrições 15% desconto ou Grátis a 3ª inscrição-04 inscrições 30% desconto ou a 5ª e 6ª inscrição Grátis.
Pagamento:
depósito, boleto bancário e todos cartões em até 12X
Material Incluso:
coffee breack, apostila,material de apoio, certificado e almoço.
Como chegar:

inscricao

 
fone agenda downloads

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

 
 
 
Qualidade Ibecc
selo
IBECC - Instituto Brasileiro de Ensino em Cursos Empresariais
Fone / Fax (41) 3501-9182 | (41) 3501-0608